Categorias:

Débora Scherer e o Amor pela Pediatria!

Ser médico é um dom, ser médico de crianças é um dom maior ainda! Quem escolhe, dentro da medicina, atender crianças tem que ter uma grande sensibilidade e um grande coração. Saber decifrar o que se passa com uma criança, que muitas vezes ainda nem fala, tem que ver além do que a medicina pode mostrar. A história de hoje vem falar um pouco sobre a médica, mas também sobre a mulher que está por trás do jaleco branco. Conheci a Débora através da sua cunhada Michele que é minha amiga. Sempre acompanho ela de longe pelas redes sociais, vejo o seu trabalho e a alegria das aventuras em meio a natureza nas horas vagas. Gosto desse meu trabalho porque permite que consigamos ver o ser humano por trás do profissional. Aí está uma pequena autobiografia da Dra. Débora.

“Me Chamo Débora Carolina Scherer, filha de Vera Marlene Backes e Rui José Scherer, neta da ‘Dona’ Maria Helga Backes, a mulher mais forte que existe, em todos os sentidos. Tenho um irmão mais velho chamado Johnathas, que reside aqui em Pato Branco com sua família há 15 anos. Tenho mais dois irmãos por parte de pai, Caio e Leonardo.

Família: mãe, avó, irmãos, cunhadas, sobrinhos.

Sou uma mulher forte, decidida, vaidosa, esportista. Amo um salto alto, mas o esporte me apresentou o tênis e as suas diversas opções e estilos. Já faz algum tempo que troquei o salto nos plantões médicos (risos) por tênis confortáveis. Quem me conheceu há um tempo atrás sabe disso.

Nasci em 12 de fevereiro de 1986 em uma cidadezinha chamada Missal, tive uma infância incrível, diferente da que muitas crianças tem hoje em dia. Venho de uma família com muitos primos e primas, então brincávamos muito fora de casa e com brincadeiras que hoje em dia andam esquecidas. Mas novos tempos criam novos hábitos, não é?! Então novas brincadeiras surgiram.

Mais tarde eu e minha mãe nos mudamos para Medianeira, cidade próxima também da minha cidade natal, aqui também no Paraná. Sempre gostei de estudar e logo após o término do ensino médio, decidi fazer um cursinho preparatório para o vestibular de medicina. Então me mudei para Curitiba, sozinha, para prosseguir com o meu sonho! Após um tempo de estudos, fui aprovada na Faculdade de Medicina Nova Esperança em João Pessoa na Paraíba. Foram anos de estudo e dedicação, mas ser médica sempre foi minha escolha, então sabia que estava no caminho certo.

Com a mãe e a avó. Fontes de inspiração.

No decorrer desse tempo, já tinha em mente fazer minha residência na área de pediatria, pois sou apaixonada por bebês e crianças. Tenho dois sobrinhos: Meg e Théo, sou madrinha dos dois também, e a convivência, mesmo de longe com eles, me fez apreciar essa área. Além disso é muito mais compensador cuidar da saúde das crianças.

Terminei minha graduação em 2013, trabalhei por 6 meses na minha antiga cidade e ao mesmo tempo me preparei para as provas de residência em pediatria. Fui aprovada em Pelotas no Rio Grande do Sul, na Universidade Federal de Pelotas, lá permaneci por 2 anos até concluir minha residência. Após isso, era hora de começar a atuar como médica pediatra. A procura por trabalho no início foi difícil, mas meu irmão Johnathas e minha cunhada Michele,   encaminharam meu currículo e meu contato para o hospital Policlínica aqui de Pato Branco, souberam que estavam necessitando de pediatra. Na mesma semana, fui selecionada a aprovada para compor o corpo clínico da Policlínica em março de 2016 e que faço parte até hoje.

Paixão por viajar.

Minha rotina no hospital é bem corrida, faço plantões durante o dia, alguns no fim de semana. Atendo também duas tardes por semana em um consultório a parte do hospital.

Acredito que ser Pediatra é promover saúde, prevenir doença, evitar acidente, afastar intoxicação, identificar desvios, corrigir rotas, apurar cuidados, afinar harmonia de comportamentos, abrir janelas potenciais de cada vida que cresce em suas mãos médicas, de cada mente que se desenvolve sob seu olhar sensível e perceptivo.

Os esportes fazem parte da rotina saudável da Débora.

Fora do jaleco, eu sou uma mulher aventureira, que ama praticar exercícios, faço musculação, gosto de andar de bicicleta. Adoro viajar e conhecer lugares e culturas novas.”

Conheça mais o trabalho da Dra Débora através das redes sociais:

http://www.Instagram.com/dradeborascherer

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.